Pastoral | Colégio de São Bento

Pastoral

Pastoral

Sendo o Colégio de São Bento uma instituição de educação Católica tem como objetivo a formação cristã dos alunos e de toda a comunidade educativa. Para cumprir essa missão o Colégio conta com a equipe da Pastoral que procura integrar o conhecimento da fé e da religiosidade cristãs através da ação pastoral que tem, dentre os seus compromissos, a responsabilidade de promover o Ensino Religioso em todos os anos e séries de escolaridade, oferecer encontros ou retiros e celebrações litúrgicas para a recepção dos sacramentos. Os alunos no 4º ano do Ensino Fundamental iniciam a preparação para a Primeira Eucaristia que se conclui no 5º ano com o Sacramento da Eucaristia. No 9º ano é o momento da preparação para a Crisma a ser realizada na 1ª série do Ensino Médio.

A cada ano tem sido maior o envolvimento da Pastoral do Colégio de São Bento com ações de assistência social, sempre com a participação dos alunos. Instituições como a Creche Recanto Feliz, Casa São Luiz para Idosos e Família Santa Clara têm feito parte dos projetos da Pastoral.

Regra de São Bento

“Escuta, ó filho, os preceitos do Mestre”. É com este imperativo que São Bento continua a falar nos dias de hoje às pessoas que anseiam por uma existência plena. Na sua Regra encontramos o verdadeiro sentido de sermos discípulos amados do Senhor, que nos convida a seguir o caminho do Mestre.

Baixe aqui a Regra de São Bento
Para visualizar o arquivo é necessário ter o Adobe Reader instalado no seu computador. Caso você não o tenha, baixe gratuitamente direto do site da Adobe.

Princípios Beneditinos

Da Regra de São Bento foram extraídos os cinco princípios que inspiram a ação pedagógica do Colégio de São Bento visando, acima de tudo, à formação do homem em toda a sua potencialidade de criatura de Deus.

São eles: Zelo Bom, Esperança, Reciprocidade, Responsabilidade e Perfectibilidade.

O princípio do Zelo Bom pode ser considerado aquele que engloba os demais, pois nele estão contidas as ações de cuidado: com as palavras, com as atitudes, com o outro e com o ambiente. Diz a Regra de São Bento que o homem deve esmerar-se na defesa da Verdade e repudiar todas as formas de malícia verbal com que porventura venha a se deparar. Quanto ao compromisso pedagógico, o Colégio deve manter a profundidade e responsabilidade com o conhecimento que engrandeça o homem e dê sentido à sua vida e à vida da sociedade: “acolham-se mutuamente de coração aberto, procurando o que é melhor para todos e não para si mesmos”.

O princípio da Esperança é a visão de futuro construído agora, no qual os valores almejados se realizem em sua plenitude. É a crença de que o homem é capaz de ser sempre melhor, é a aposta não só no seu potencial real, visível, mas também no potencial que ainda precisa ser descoberto, despertado.

O princípio da Reciprocidade é aquele que permite ao homem entender a vida em coletividade para tornar-se verdadeiramente social. Não fazer ao outro aquilo que não quer que façam consigo mesmo, ou melhor, fazer ao outro aquilo que deseja que façam consigo mesmo. É preciso praticar, fazer esse exercício necessário para a vida em comum. E o Colégio é o espaço essencialmente das interações sociais para exercitar este princípio.

O princípio da Responsabilidade começa consigo mesmo, no reconhecimento e cumprimento das suas obrigações pessoais, dos seus deveres; mas essas obrigações vão se expandindo, na medida em que vai chegando a maturidade e que o homem vai sendo capaz de trazer para si outros compromissos – com o outro, com o social, com o meio ambiente.

O princípio da Perfectibilidade decorre da dimensão mais nobre do conceito de homem adotado pelo Colégio: a dimensão transcendental. Em termos pedagógicos, esse princípio traduz-se na constante busca da excelência acadêmica, ou seja, de melhoria dos procedimentos e práticas educacionais do Colégio. Para atender a esse princípio, todos da comunidade escolar precisam manter-se em atitude de aprendizagem que os acompanhará ao longo de suas vidas.